Posts Categorized: Mensagem da Semana

QUÃO INSONDÁVEIS

“Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis, os seus caminhos!”-
Romanos 11:33

Essas palavras fazem parte de um hino de adoração muito belo na carta de Paulo aos
romanos. Paulo foi um apóstolo que teve acesso às mais profundas revelações do
Espírito Santo sobre Jesus Cristo, a quem perseguiu com o zelo de fariseu. Quanta
misericórdia de Deus em salvar e escolher Saulo, cujo nome foi trocado. Paulo, em
Latim, significa “pequeno”. Aquele grande fariseu se tornou tão pequeno, com um
coração alargado, cheio de amor “agape”, o amor perfeito de Deus.
Perguntaríamos: “Como foi Deus escolher Saulo, que matara tantos cristãos?” São
mistérios da grandiosidade de Deus! Podemos entender, porém, que Deus pode
transformar o potencial que Ele colocara no coração de Saulo. Saulo estava usando
erradamente o potencial que recebera quando fora concebido no ventre de sua mãe.
Quando usamos o potencial com que fomos gerados, cabe saber de que maneira o
estamos usando. Somos seres que têm o livre arbítrio, uma das semelhanças do nosso
Deus Criador. Fazer escolhas e decidir nos faz indivíduos únicos. Herdamos o DNA de
nossos antepassados, mas podemos até mudar o rumo da vida com a capacidade de
escolhas e decisões.
A Bíblia fala dos fundamentos de um ser humano: “Se os fundamentos estão
destruídos, que pode fazer o justo?” (Salmos 11:3) Nenhuma uma pessoa, por mais que
seja justa, consegue construir em cima de um fundamento destruído. Fundamento ou
alicerce deve ser forte para sustentar uma construção, como todos sabem.
Quando alguém tem caráter de má formação, difícil é confiar nele ou depender dele.
Influências do meio ambiente e hábitos podem até ser mudados, mas dificilmente um
mau caráter, a não ser que tal pessoa queira muito a mudança. Para Deus nada é
impossível, mas Deus não invade a nossa individualidade e nem desrespeita a nossa
escolha, a não ser que nós demos permissão ou peçamos que Ele nos transforme pela
renovação de nossa mente.
Paulo correspondeu com Jesus Cristo naquele marcante encontro. Ele tinha um firme
fundamento: zelo por retidão e persistência. Era um bom fundamento. Saulo aceitou o
desafio de Jesus Cristo e obedeceu até chegar a experimentar uma radical mudança.
Todos nós podemos experimentar a grandiosidade de Deus e quanto mais O
conhecemos, mais concluímos quão profundos são os pensamentos de Deus. Não
conseguimos entender os mistérios de Deus, mas o Espírito Santo nos ajudará.

Dra. Sarah Hayashi 


NEM ACRESCENTAR NEM TIRAR

“Eu sei que tudo quanto Deus faz durará eternamente; nada se lhe deve acrescentar e
nada se lhe deve tirar.” – Eclesiastes 3:14

O que foi acrescentado e o que foi tirado quando Eva comeu do fruto proibido? Uma
palavra ela acrescentou: “nem nele tocareis” (Gênesis 3:3) e a consequência foi que a
serpente – o diabo – “tirou” o relacionamento do casal com Deus (João 10:10 a).
Assim, toda descendência da espécie humana nasceu com essa mesma deficiência:
sem o relacionamento alegre e íntimo com seu Criador. A mentira, que vem do pai da
mentira, o Satanás, passou a fazer parte do caráter humano. Desde então, todos os
filhos de Adão e Eva têm tido problemas em todas as áreas da vida e populou esta
Terra com famílias disfuncionais.
Tão logo Deus expulsou o casal que Lhe era a melhor de Sua criação, Ele já começara o
Seu plano de resgatar a alegria da intimidade que diariamente havia com o homem e
sua mulher.
Deus Pai iria tirar a vida de Seu Unigênito Filho, o Cordeiro eterno, e acrescentar um
novo coração e nova mente em cada descendente humano.
Num outro jardim, o Getsêmani, Jesus Cristo se preparou para nos substituir, sendo
condenado pelos nossos pecados e resgatar a vida que Adão e Eva tinham recebido.
Ele veio para tirar das mãos do próprio Satanás a morte e veio para nos dar vida
espiritual de volta.
Só Deus Triuno tem o poder de acrescentar e tirar com toda autoridade divina, da
maneira certa e no tempo certo. Ninguém mais tem esse poder. Somente Deus Criador
justo, santo e bondoso, que tudo faz perfeito e eternamente.
Dentre todas as demais criaturas da criação, somente o homem recebera o meio de
comunicação com Deus. Esse meio é o espírito, que deve estar cheio do Espírito Santo.
Se estamos em Cristo através do novo nascimento, da vida eterna, da redenção
conquistada pelo nosso Salvador e Redentor Jesus Cristo, não nos esqueçamos de
valorizar e de nos manter cobertos com Seu sangue, o preço da redenção. Devemos
sempre manter aceso o amor para Deus, com gratidão por essa obra de Jesus Cristo.
Ele morreu em nosso lugar, carregando sobre Si o castigo que deveríamos pagar.
“Na verdade, na verdade”, nada podemos acrescentar e nem tirar daquilo que Deus
fez. Deixemos Deus acrescentar o nos falta e deixemos Ele tirar o que é demais. Falta
mais de Deus dentro de nós e que Ele tire tudo que nos oprime por causa do pecado.
Continuemos nesse processo da santificação que nos transforma à semelhança de
Cristo através do Espírito Santo!

Dra. Sarah Hayashi 


E PERSEVERAVAM

“E perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações.” – Atos 2:42
“Agora, Senhor, olha para as suas ameaças e concede aos teus servos que anunciem com toda intrepidez a tua palavra.” – Atos 4:29

O derramar do Espírito Santo nos traz bênçãos poderosas: poder dos altos para vencer
todas as lutas; ousadia e poder para operar sinais e maravilhas; poder para amar como
Deus ama; amor pelos perdidos; alegria e paz sobrenaturais; milagres de todo tipo na
saúde física e na mente e no coração; mudanças e experiências sobrenaturais; o
inexistente vindo a existir, e tantas inúmeras ações do poder e do amor de Deus!
Quando eu era menina, tinha uma grande pergunta: isso tudo que leio no livro de Atos
dos Apóstolos pode ainda acontecer? Quando eu ficar grande, posso servir a Deus
como esses apóstolos da Bíblia? Quero ter poder para salvar vidas, trazer pessoas para
Cristo, fazer curas e muitos milagres … sonhava …
Graças a Deus, esse poder sempre será disponível para todos os que amam a Deus em
primeiro lugar e O buscam de todo coração. O segredo é amar a Deus acima de tudo e
perseverar.
Uma coisa é bem clara nas Escrituras. Aqueles apóstolos de Jesus Cristo perseveraram
e venceram todos os obstáculos que surgiam. Eles não conseguiam apagar de seus
corações as experiências que tinham tido com Jesus Cristo. Isso lhes deu força para
perseverar e ter mais intrepidez perante as ameaças das pessoas que não entendiam
os valores do reino de Deus.
Perseverar é uma virtude importante, especialmente nestes dias pós-modernos,
quando tudo é muito rápido e está à disposição na ponta de nossos dedos deslizando
em telas do computador ou de celular.
Deus, porém, não mudou. Seus princípios e Seus caminhos permanecem firmes e
poderosos. A questão é saber aplicá-los no nosso contexto quotidiano e em todas as
nossas áreas de atuação.
Perseverança e resiliência são a capacidade inerente à nossa natureza humana. A
intrepidez vem com o Espírito Santo. É preciso acionar toda essa capacidade. Qual
lugar Deus tem lugar em sua vida? Se Deus tiver lugar prioritário em seu coração e
mente, você vai ser um influenciador dos valores celestiais e não um influenciado
pelos valores fúteis deste século. Vale a pena perseverar nas verdades dos
fundamentos de Cristo Jesus vividos pelos Seus apóstolos. A resistência aos
empecilhos e tribulações glorificam a Deus!

Dra. Sarah Hayashi 


TU CONSERVARÁS EM PAZ

“Tu conservarás em paz aquele cuja mente está firme em ti; porque ele confia em ti.”- Isaías 26:3

Acreditar é uma coisa, mas confiar pode ser outra coisa, penso eu. Acreditar em Deus
até o diabo o faz e muito, ao ponto de se estremecer, pois ele conviveu nas regiões
celestes antes de ser expulso juntamente com um terço dos anjos. “Tu crês que há um
só Deus? Fazes bem; também os demônios o creem e estremecem.” (Tiago 2:19)
Confiar é mais do que acreditar. Confiar requer relacionamento. Quando conhecemos
alguém conseguimos confiar ou não nesse alguém. Quanto mais nos relacionamos com
uma pessoa, nossa confiança é proporcional, tanto em confiar como em não confiar.
Nosso comportamento e nossas reações diante das adversidades que deparamos
falam mais alto que palavras. Uma das passagens que me impressionam é o
relacionamento entre Jesus Cristo e os irmãos Lázaro, Marta e Maria (João 11:1-44).
Quando vieram avisar a Jesus que Lázaro estava doente e que as irmãs estavam
chamando-O para ir orar e curar, passaram-se dias, Jesus nem foi e Lázaro morrer e
fora sepultado.
Quase todos criam que Jesus poderia curar Lázaro e seria uma grande festança. Todos
provavelmente tinham fé para isso, mas quantos estavam confiando em Jesus na
pessoa e no caráter d’Ele? Jesus estava muito seguro de um plano e demorou mais do
que dois dias para “socorrer” Lázaro. Deus tinha um outro plano.
Passamos por situações em que não há cura ou “conserto”. Será que ainda confiamos
em Deus e que Ele sabe de tudo e que está acima de qualquer situação e que Ele
sempre tem o melhor para nós? Crer em milagres é maravilhoso, mas confiar no
caráter de Deus é outra coisa. É preciso conhecer muito bem o caráter, os caminhos e
as maneiras de Deus se desejamos ter confiança n’Ele e um relacionamento íntimo
com Ele.
Claro que a ressurreição de Lázaro foi mais impactante do que uma cura ou um
milagre. Com certeza, o relacionamento dos irmãos da Betânia, dos discípulos e de
todos os que estavam presentes, deve ter se estreitado bastante após a ressurreição,
mas uma lição aprendemos: quem estava em paz? Maria estava sentada em casa. Não
vemos nessas irmãs desespero e nem mágoas. Tinham feito o que fora necessário.
Se continuarmos confiando em Cristo mesmo em situações “perdidas e sem volta”,
teremos paz sobrenatural e veremos e viveremos muito mais o amor e o poder de
Deus. Faça o que está ao seu alcance. Confia no Senhor e Ele fará o restante.

Dra. Sarah Hayashi 


COMO ESTÃO SUAS RAÍZES?

“Bem-aventurado o homem que … tem o seu prazer na lei do Senhor e na Sua lei medita de dia e de noite, Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas …”- Salmos 1:1-3

Raízes das árvores e alicerces de edifícios passam despercebidos aos olhos de qualquer
pessoa, a não ser de agricultores e engenheiros talvez. Na verdade, raízes e alicerces é
que sustentam tudo que é visível, observado, admirado e valorizado … ou desprezado
e pouco valorizado, quem sabe?
Costumo dizer que as raízes representam o nosso caráter. Como foi formado o caráter
de cada pessoa? Onde está a essência de uma pessoa? A formação do caráter tem a
ver com vários fatores: genéticos, tipo de criação, meio ambiente, questões de escolha
e decisão pessoais, etc., mas vamos meditar um pouco sobre a nossa formação de
caráter.
Somos feitos de corpo, alma e espírito e em cada aspecto temos características que,
mesmo sendo herança recebida, nos tornam um ser único. Carregamos semelhanças
familiares, mas cada um de nós temos a unicidade e somos o que somos.
Há coisas que podemos mudar, mas outras jamais. Por exemplo, podemos mudar de
endereço, de círculo social, do modo de pensar, de ser, mas não podemos mudar de
família original, isto é, de pai ou de mãe.
Por que, então, a Palavra de Deus nos incentiva a sermos transformados? Haja vista
que ela é bem clara: “transformai-vos pela renovação da vossa mente” (Romanos
12:1,2) e “transformados à semelhança” de Cristo (2 Coríntios 3:18). A transformação
que Deus espera de nós diz respeito à nossa mente e caráter.
Nossas escolhas e decisões, desde o momento em que raciocinamos como crianças,
formam o nosso caráter, bom ou mau. Depende muito dos cuidadores da criança e do
meio ambiente, até que o indivíduo se torne independente no seu modo de pensar.
Como uma semente bem cuidada que germina e com cuidados ela cresce para ser uma
árvore, Deus deseja que cada pessoa cresça bem e seja frutífera. Esse paralelo não é
novidade, mas não custa refletir em onde e como estamos enraizados, vez após vez.
Não dependamos de pessoas. Dependamos de Deus e da Sua Palavra. Pessoas erram,
mas a Palavra de Deus, jamais! Tudo nesta vida pode mudar, e até Deus pode mudar
os meios, mas o Seu caráter jamais vai mudar. Sempre Ele é e será amoroso, fiel, justo,
santo, misericordioso, todo-poderoso, forte e vencedor, e muito mais. Que as nossas
raízes se aprofundem no Seu caráter. Quanto mais nos aprofundamos no Seu amor e
nos entregamos aos Seus cuidados, mais nossas raízes penetram na Sua natureza e
mais semelhantes a Cristo seremos. Continuemos indo mais fundo e mais firmes!

Dra. Sarah Hayashi 


INABALÁVEL

“Ainda uma vez, mostra o remover das coisas abaláveis, como as coisas feitas, para que as inabaláveis permaneçam. Por isso, tendo recebido um reino que não pode ser abalado, retenhamos a graça, pela qual possamos servir a Deus agradavelmente, com reverência e temor santo: porque nosso Deus é um fogo consumidor.”

(Hebreus 12:27-29 – trad. lit. KJ)

A tempestade, os ventos e as chuvas podem derrubar uma casa que foi edificada sobre a areia, enquanto que aquela edificada sobre a rocha resiste a tempestade e permanece firme. Assim Jesus Cristo faz a comparação entre o homem prudente e o insensato; sendo que o prudente é aquele que escuta as palavras d’Ele e as pratica. O contrário é o néscio (Mateus 7:24-27). As tribulações, as provas e as tentações podem vir a qualquer momento de nossa vida. Deus tem o tempo em Suas mãos. Há vezes que podemos prever os perigos e há vezes que não; entretanto, quem está sempre em plena conexão com Deus Pai, estará pronto para enfrentar qualquer tempestade. As palavras do Senhor são realmente lâmpada para os nossos pés e luz para os nossos caminhos (Salmo119:115). Elas nos guiam de tal forma que não seremos abalados quando as tempestades da vida acontecerem. Pode tudo se abalar e cair, mas aquele que confia no Senhor Deus, no Seu caráter e nas Suas palavras, tem segurança e mantém-se firme e inabalável. Assim como a edificação de uma casa não acontece de noite para dia, nós também crescemos um pouco de cada vez, e a solidez acontece progressiva e continuamente. Nosso Deus onipresente, onisciente e onipotente, está vendo tudo. Nada passa despercebido aos Seus olhos. O fogo do Espírito Santo queima tudo que é passageiro e frágil: palha, feno, madeira, enquanto o ouro, a prata e as pedras preciosas são purificados. Isso é o batismo do fogo. Assim o nosso caráter e nossas obras são testadas. Jesus Cristo está à direita do Pai intercedendo por cada um de Seus filhos. Quando acusados pelo satanás, Jesus Cristo é o nosso Advogado junto com o Pai (Hebreus 7:25; 1 João 2:1). Jamais Deus quer nos perder. Nosso Deus Triuno torce por nós. O Seu amor é grande demais. A Sua graça infinita nos socorre nas tempestades da vida e Ele aperfeiçoa em nós o Seu poder nesses momentos das tribulações. Como você está sendo edificado? Você serve a Ele com fidelidade e alegria? Façamos a nossa parte e Ele fará a Sua!

Dra. Sarah Hayashi 


COMO MONTE SIÃO

“Os que confiam no Senhor são como Monte Sião, que não se abala, mas permanece para sempre.”- Salmo 125:1

Sião refere-se tanto a lugar físico como espiritual. Na Bíblia, a palavra Sião é mencionada mais de 150 vezes e há riqueza no seu sentido espiritual. Escolhemos um dentre essas menções: “Eis que ponho em Sião uma pedra angular, eleita e preciosa, e quem nela crer não será, de modo algum, envergonhado.”( 1 Pedro 2:6). Uma pessoa que confia no Senhor jamais passará vergonha. Você já deve ter passado vergonha, e deve saber quão embaraçoso é ser humilhado. Jesus Cristo já passou vergonha por todos nós. Imaginou passar vergonha incontáveis vezes? A dor que fica? Ele tomou o nosso lugar inclusive nesses momentos em que nos sentimos insignificantes, mas nessa hora Ele quer que você e eu lembremo-nos de que não precisamos ficar abalados. Muito pelo contrário, nessas horas de dificuldade, de desprezo, de rejeição, de crítica maldosa … Ele deseja que você olhe para Ele que o ama intensamente e incondicionalmente. Jesus Cristo jamais morreria à toa. Se Ele nos deu vida naquela horrível cruz de condenação vergonhosa, é porque Ele tinha algo bem melhor, insuperável a qualquer sacrifício que alguém faria por você e por mim. Então, por que não confiar n’Ele? Deus é Deus! Ele não é como um ser humano falho. Se Ele deu o Seu próprio Filho para ser sacrificado por cada um de nós, certamente Ele se interessa pelo melhor para nós. Muito óbvio falar assim? Pode ser, mas também deveria ser óbvio não ficar abalado por qualquer coisa neste mundo, onde a decadência e a corrupção aceleradamente se alastram, roubando a esperança e ânimo dos corações. Não se deixe ser roubado. “Que diremos, pois, a estas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós? Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como nos não dará também com ele todas as coisas?” (Romanos 87:31,32) Quando você anda firmado no amor infalível de Deus, que força maior pode existir? Nenhuma. Nada supera o poder deste amor de Deus. Seja tão forte e inabalável como o Monte Sião, onde o rei Davi escolheu edificar a Casa de Deus, a morada de Deus e onde Salomão construiu o templo em celebração a este nosso maravilhoso DEUS! Devemos fazer um SIÃO, isto é, o lugar mais alto da habitação de Deus, em todo o lugar onde moramos, trabalhamos, viajamos, estudamos, e elevar o nosso Deus! Nossa tarefa é trazer Deus e o Seu reino aqui na Terra. Não se abale!

Dra. Sarah Hayashi 


O ESPÍRITO DA VERDADE

“Mas eu vos digo a verdade: convém-vos que eu vá, porque, se eu não for, o Consolador não virá para vós outros… “quando vier, porém, o Espírito da verdade, ele vos guiará a toda verdade;”- João 16:7 a 13

Na Sua sabedoria, como sempre, Deus faz tudo perfeito. Para Ele habitar dentro de cada ser humano que experimenta o novo nascimento, Ele teria que realmente ser um “pneuma”, isto é, Espírito. Deus triuno é Espírito. O Espírito Santo, enviado após a ascensão de Jesus Cristo, é o agente da Trindade divina e agora é o seu ministério até a segunda vinda de Jesus Cristo. Que maravilhoso saber que assim Ele pode habitar em você e em mim ao mesmo tempo, no Brasil e nos confins da terra ao mesmo tempo. O plano de Deus é perfeito! Tudo quanto está escrito nas Escrituras se cumprirá, queiramos ou não. Nosso é o privilégio e também a honra de podermos participar desse grandioso plano universal da redenção completa e somos consolados porque tudo de ruim terá um fim na segunda vinda de Jesus Cristo. Quanto mais andamos com o nosso Deus, mais sabemos que no Seu tempo certo, Deus ainda terminará o Seu plano e isso será com êxito culminando com a união eterna do Cordeiro com a Igreja, Seu Corpo e Sua noiva. Nada fazemos por favor a Deus. Isso seria um absurdo. Algumas pessoas, porém, pensam que Deus necessita de “coisas” ou de nossos serviços. Tudo quanto fazemos para Ele ou por Ele, nada mais é do que um privilégio e uma honra! Fazermos parte de Deus e Sua obra é uma bênção sem preço! Deus enviou o Espírito Santo, o Espírito da verdade, a fim de nos guiar em tudo que foi e é revelado por causa de Jesus Cristo que veio nos redimir com Seu sangue. Deus é verdade e é Espírito e procura aqueles que O adoram em espírito e em verdade. Deus é a Verdade. Ele é o grande “Eu sou”. Ele nos quer ver verdadeiros e sinceros. O quanto de verdade existe em nós? Percebi há muito tempo atrás que o amor da verdade é uma grande bênção. Há crentes que não amam a verdade e há incrédulos ou ateus que são sinceros e verdadeiros e que amam a verdade, de certa forma. Mesmo que ainda não tenham a Jesus Cristo, que é a Verdade, mas porque amam a verdade, um dia chegarão à fonte da verdade, que é Jesus Cristo. O amor da verdade é algo sublime e tão necessário para nos achegarmos a Deus! Você tem o amor da verdade? (1 Tessalonicenses 2:10) Quem a tem, deseja mais.

Dra. Sarah Hayashi 


AMOR DERRAMADO

“porque o amor de Deus é derramado em nosso coração pelo Espírito Santo, que nos foi outorgado.” – Romanos 5:5

O poder dos altos que os discípulos de Jesus Cristo obtiveram após cinquenta dias de espera, foi um dos sinais do Espírito Santo derramado nos seus corações. Com essa experiência, os frutos começaram a despontar de modo extraordinário através dos Seus discípulos e espera-se o mesmo da parte dos cristãos. O Espírito Santo apresenta os dois aspectos de Deus: poder e caráter. O poder se relaciona diretamente às obras, enquanto o caráter é a personalidade de Deus gerada em nós na transformação à semelhança de Cristo. Jesus Cristo foi a máxima expressão da Trindade divina, mas é o Espírito Santo que capacita a cada discípulo, que interage com Ele, e o prepara para atuar como Cristo atuou aqui na Terra. O fruto do Espirito Santo é produzido na proporção dessa interação e cada parte desse fruto se evidencia no discípulo de Jesus Cristo, ou mais ou menos, dependendo da busca sincera: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Toda vez que operamos nos dons do Espírito Santo, correta e biblicamente, o Senhor se manifesta e cabe a cada um de nós buscarmos o equilíbrio entre o poder e o caráter. Alguns têm muito poder e pouco amor; enquanto, outros têm amor, mas a sua fé é sem obras. Precisamos ser transformados cada vez mais e receber o amor de Deus nos nossos corações de modo constante e progressivo. O amor de Deus nos leva a amar as vidas como Ele as ama. Nosso amor humano é muito falho e não temos a capacidade de amar as pessoas devidamente. Por isso agradecemos a Deus que Se propõe a nos encher de Seu amor quando Ele nos enche com o Espírito Santo. As pessoas estão carentes de algo mais e neste século estão famintos de amor e poder. Somente Deus pode preencher os corações vazios e sem rumo. Sejamos estes instrumentos nas mãos de Deus e assim levaremos esperança aos quebrantados, libertaremos os cativos, consolaremos os tristes, colocaremos uma coroa em lugar de cinzas, vestiremos os angustiados com alegres louvores (Isaías 60:1-3). É para esse propósito que Deus derrama o Seu amor em nossos corações, através do Espírito Santo. Se carregarmos o poder e o amor de Deus, estaremos manifestando a Sua glória e a terra se encherá do conhecimento de Deus como as águas cobrem o mar. Esta é a tarefa da Igreja de Cristo (Isaías 11:6).

Dra. Sarah Hayashi 


SE NÃO TIVER AMOR

“Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, … Ainda eu tenha o dom de profetizar e conheça todos os mistérios e toda ciência; ainda que eu tenha tamanha fé, a ponto de transportar montes, se não tiver amor, nada serei. E ainda que eu distribua todos s meus bens entre os pobres e ainda que entregue o meu próprio corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso me aproveitará.” (1 Cor 13:1-3)

Jamais me cansaria de ler, reler e meditar este trecho bíblico. Há anos faço isso, mesmo assim sinto estar tão aquém desse modelo de amor, o amor perfeito de Deus Triuno. Há anos que estou vivendo a vida cristã desde o novo nascimento e fico sempre extasiada ao ver o imensurável amor de nosso Deus tão amoroso, tão bondoso, tão paciente e tudo que diz respeito a esse amor. Deus é amor! Todos concordam, creio eu, que recebemos de Deus esse amor muito mais do que damos a outros. Não devemos nos desanimar ao ver o modelo tão longe do nosso alcance. É questão de continuamente sermos transformados pelo Espírito Santo. Tão importante no andar cristão é o conhecer o Espírito Santo que nos guia em toda verdade e que nos convence do pecado, da justiça e do juízo (João 14 a 16). Essa sensibilidade anda ligada com a nossa consciência. A consciência é a primeira voz de Deus para cada ser humano que nasce nesta terra. Pode uma pessoa nem ser um crente, mas se tem a consciência protegida e bem cuidada, tal pessoa será incapaz de fazer muitas coisas que até os crentes fazem e escondem. Tal é o valor de nossa consciência (Romanos 2:11-17). Muitos crentes podem falar e até pregar sobre o andar no espírito, mas será que se refere ao andar no espírito cheio do Espírito Santo? O amor perfeito de Deus só cresce em nós à medida que nos abrimos ao Espírito Santo e concordamos com Ele. Após o novo nascimento, o processo da santificação não é algo automático. Requer ensino, direções e concordância. Que cada crente não permaneça crente, mas se torne um verdadeiro cristão! Um filho de Deus deve crescer e amadurecer. Jamais permanecer do jeito que veio a Cristo. Temos que ser transformados à semelhança de Cristo Jesus, pelo Espírito Santo, este que derrama o amor de Deus nos nossos corações (Romanos 5:5).

Dra. Sarah Hayashi