Posts Categorized: Mensagem da Semana

ETERNA EXCELÊNCIA

“A glória do Líbano virá a ti … para embelezar o lugar do meu santuário …
De abandonada e odiada, de modo que ninguém passava por ti, eu te farei uma eterna
excelência, a alegria de muitas gerações.” (Isaías 60:13-15 – trad. lit. KJ)

Você já foi rejeitado? Esquecido? Desprezado? E pior ainda, odiado? Creio que muitos
de nós. Por outro lado, fez isso também a alguém? Creio que a maioria de nós conhece
esse tipo de dor.
O que falar de Jesus então que, sem fazer mal algum, só veio para curar, dignificar e
valorizar a cada ser humano, incluindo mulheres e crianças? O que falar do Seu amor
ao ponto de dar Sua vida por mim e por você e pelo mundo todo? Ele foi rejeitado pelo
Seu próprio povo, desprezado pelos líderes religiosos da época, zombado e crucificado.
Se somos rejeitados, muitas vezes é porque talvez tenhamos dado ocasião para os
maldosos. Quem sabe? Isso, porém, não justifica os malfeitores. A nós cabe perdoá-
los, como Jesus fez.
Temos muitas preciosas e poderosas promessas de Deus! O apóstolo Pedro exorta os
cristãos, dizendo: “Amados, não estranheis o fogo ardente que surge no meio de vós,
destinados a provar-vos … alegrai-vos na medida em que sois participantes dos
sofrimentos de Cristo, para que também, na revelação de sua glória, vos alegreis
exultando.”(1 Pedro 4:12,13). Em tudo uma lição! Tudo coopera para o nosso bem
(Romanos 8:28). Deus sempre tem pensamentos e planos bons para cada um de Seus
filhos! (Jeremias 29:11)
As promessas poderosas do nosso Senhor Deus nem sempre vêm automaticamente
para o cristão. Em todas as tribulações, Ele espera uma interação consciente e
voluntária de nossa parte, ajudados e convencidos pelo Espírito Santo no nosso
entendimento espiritual. Quando entendemos que Deus está acima de tudo e
confiamos na Sua soberania e bondade, Ele nos leva a um patamar superior e mais
perto d’Ele. Deus não desperdiça nada. Ele tem poder para transformar o mal em bem!
Nossa parte é confiar n’Ele, nas Suas Palavras, na Sua soberania, na Sua fidelidade
infalível e no Seu amor eterno! Ele jamais erra!
Por que não aproveitar essas experiências doloridas de rejeição e desprezo e olhar
para cima? Olhar para o nosso Deus justo e verdadeiro? Esperar n’Ele que compreende
tudo e sabe como nos consolar, fortalecer e nos alegrar? É isso que nos leva à
excelência eterna! Jesus é o nosso exemplo máximo. Ele sempre demonstrou
excelência! O vitorioso se assemelha a Cristo Jesus de vitória em vitória! (S.H.)

Dra. Sarah Hayashi 


ESPÍRITO EXCELENTE

“Então, o mesmo Daniel se distinguiu destes presidentes e sátrapas, porque nele havia
um espírito excelente;” (Daniel 6:3)

Já ouviu estas expressões: “ele/ela carrega um espírito ruim” e “a presença dele/dela
traz um peso neste ambiente”; “ele/ela traz um ar de tranquilidade!”, “me sinto bem
estar perto dele/dela”?
Algumas pessoas são sensíveis ao âmbito espiritual, mesmo sem ter o dom do
discernimento dos espíritos, que é um dos nove dons do Espírito Santo. Certas pessoas
já nascem com esse tipo de sensibilidade e quando são batizadas no Espírito Santo, o
dom do discernimento dos espíritos se aguça mais, porém, no reino da luz.
Um cristão pode não ter essa sensibilidade inata, mas quando recebe o dom do
discernimento dos espíritos, também pode desenvolver tal sensibilidade. Esse dom
ajuda muitas pessoas para não serem enganadas por sutilezas do diabo ou mesmo por
enganos da parte dos seres humanos.
De certa forma, o rei da Babilônia conhecia a importância desse dom que no mundo
das trevas refere-se ao espírito de adivinhação, tão comum quanto cartomancia,
búzios, leitura de mãos, etc. Os reis eram rodeados desse tipo de pessoas, a fim de
obter orientações para o seu reinado.
Uma coisa, porém, o rei Dario percebeu: um espírito excelente em Daniel. Ele não
conhecia a Deus de Abraão, de Isaque e Jacó, muito menos ao Espírito Santo;
entretanto, teve a curiosidade de saber qual espírito Daniel carregava.
Sim, o Espírito Santo é um espírito excelente, porque Deus Triuno é excelente! Quem
acima do nosso Deus? Nada e ninguém. Deus é soberano Criador, o grande EU SOU!
Tudo que existe, visível ou invisível, tudo foi criado por este único Deus!
Que privilégio sermos filhos deste tão grande Deus! Jesus Cristo fez a obra da
reconciliação, dando-se à condenação que cada um de nós tínhamos que ter. Por
amor, Jesus Cristo Se ofereceu para pagar o nosso castigo e nos reconciliou com Deus
Pai e nos fez não só filhos e filhas, mas reis e sacerdotes!
O Espírito Santo é o agente da trindade, por meio de quem Jesus Cristo veio habitar
dentro de nós para nos dar vida no espírito. Quanto mais tivermos do Espírito Santo,
mais traremos a presença do Deus Trino em todo o lugar que atuamos. Muitas
pessoas, como o rei Dario, estão necessitadas de orientações, de conselhos ou de
direções. Seremos a voz que carrega o Espírito excelente? Este é o plano de Deus para
cada um de nós, Seus filhos!

Dra. Sarah Hayashi 


INFINITO PODER E BONDADE DE DEUS

“A ti, ó Deus, confiança e louvor em Sião! E a Ti se pagará o voto”- Salmo 65:1

Especialmente no início de um novo ano, de uma nova estação ou etapa, sempre é
bom que revisemos os propósitos, desejos, metas ou sonhos, neste determinado
período e elevarmos os nossos corações e olhos ao nosso bondoso e infinito Deus Pai.
Quantas vezes eu me pergunto: “O que seria de mim sem Deus? Onde estaria eu?
Estaria viva hoje? O que estaria fazendo hoje?” E respiro com gratidão: “Graças Te
dou, pois Tu existes e tudo vês e de tudo sabes! Tua justiça é como os altos montes e o
Teu amor mais profundo que o mar! Nada passa despercebido aos Teus olhos! A Tua
justiça e o Teu galardão sempre vêm a tempo!”
Como muitos de nós, o rei Davi sofreu muitas dificuldades, mas sempre a sua
confiança em Deus só aumentava cada vez mais. As dificuldades podem resultar em
duas coisas: ou vamos nos aproximar mais de Deus ou vamos nos afastar d’Ele com
amargura no coração. Qual é o seu jeito?
Quanto mais nos aproximamos de Deus, especialmente em horas das tribulações, mais
cresce o amor e a dependência humilde e grata neste Deus bondoso e poderoso.
Há um conselho importante: “Guarda o teu coração com toda diligência, porque dele
procedem as fontes da vida.” (Prov 4:23) O que significa “guardar”? Em geral, você
guarda bem escondido algo importante ou bem particular, concorda?
Se os nossos corações estiverem em desordem, o dia se torna em desordem e
desperdiçamos as horas, a energia e a mente. Passamos a enxergar tudo ao nosso
derredor fora de foco e embaçado. Não nos sentimos bem.
O rei Davi, como cada um de nós, tinha muitos motivos para se amargurar e se
lamentar diante de Deus, mas ele guardava o seu coração. Preferia sempre correr para
Deus, “despejar” suas lamentações e dores diante do único capaz de ajudá-lo. Cada
vez mais, Davi cresceu em sua intimidade e segurança em Deus, o único Deus.
Ter uma mentalidade de trocar o foco é um bom hábito. Removamos o foco das coisas
ruins da vida. Vamos manter sempre o nosso foco em Deus e na Sua Palavra. Quando a
Sua palavra falhou? Quando Deus falhou? Que eu saiba, nunca! A bondade de Deus
nos surpreende a cada passo, especialmente em horas de dificuldade ou de solidão.
Ele está sempre ali esperando por você!

Dra. Sarah Hayashi 


E VIEMOS ADORÁ-LO

“Tendo Jesus nascido em Belém da Judéia no tempo do rei Herodes,
eis que uns magos vieram do oriente a Jerusalém, e perguntavam:
Onde está o recém-nascido Rei dos judeus?
porque vimos a sua estrela no Oriente, e viemos para adorá-Lo.” – Mateus 2:1,2

Aqueles reis magos eram estudiosos de Astronomia. Dizem que o astrônomo Keppler
(Séc VII) calculou que aquela estrela, em cima da manjedoura de Jesus Cristo, tratava-
se de uma junção dos astros Júpiter e Saturno, mas o certo é que Deus já tinha falado
sobre essa estrela que procederia de Jacó: “uma estrela procederá de Jacó, de Israel
subirá um cetro … (Núm 24:17). Também Isaías profetizou sobre essa luz: “O povo que
andava em trevas, viu grande luz e aos que viviam na região da sombra da morte
resplandeceu-lhes a luz.” ( Isaías 9:2).
Essa luz, ou essa estrela, ainda hoje brilha para iluminar os olhos do nosso
entendimento. Jesus é a luz do mundo e nos guia nos Seus caminhos, tirando-nos das
trevas do entendimento espiritual.
Os sábios ainda procuram o Rei dos reis. É uma grande bênção sermos atraídos a essa
luz, Jesus Cristo. A fome e a sede por mais de Deus é algo que podemos considerar de
grande privilégio. Muitos não têm essa sede e fome. Por quê? Há ainda hoje muitos
“herodes” que pensam ser superiores ao nosso Deus. Esse espírito, ou atitude, de
independência entrou na espécie humana desde o jardim do Éden, onde aconteceu a
queda do homem; entretanto, a luz do Senhor ainda brilha, silenciosa e
poderosamente.
Jesus Cristo nos deixou uma incumbência: “Vós sois a luz do mundo” (Mat 5:14). O
Espírito Santo por Ele prometido já veio e está atuando no meio do povo de Deus.
Nossa parte é assumir o mandato de Cristo e nos posicionar onde a luz seja vista.
Como? Ele também disse como: “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens,
para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.”
(Mat 5:16)
Mais do que palavras, as obras e atitudes falam mais alto, mesmo que a boca fale “do
que está cheio o coração.” (Mat 12:34 b)
Às vezes falamos muito e fazemos pouco. Deus espera de nós a fé com obras, como
aconteceu com Jesus Cristo. Ele mesmo disse que faríamos obras maiores do que Ele
fez. O Espírito Santo opera através de cada um de nós. Deixemos que Ele brilhe e nos
use para obras de fé.

Dra. Sarah Hayashi 


PARA ISTO CRISTO SE MANIFESTOU

“Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo”- 1 João 3:8

Desde o livro de Gênesis, logo após o pecado ter entrado no homem, Deus já
providenciara a solução para o estado de queda do homem. O nascimento de Cristo
Jesus foi muito celebrado pela Maria, no seu cântico alegre desde o momento da
concepção do Filho de Deus.
O tão esperado Messias estava para chegar! De geração em geração, Maria e muitos
hebreus se alegraram em Deus:
“Com o seu braço, agiu valorosamente, dissipou os soberbos no pensamento de seu
coração,
depôs dos tronos os poderosos e elevou os humildes;
e auxiliou a Israel, seu servo, recordando-se da sua misericórdia
(como falou a nossos pais) para com Abraão e sua posteridade para sempre.” (Lucas
1:46-55)
Finalmente, haveria salvação para Israel! Até hoje, neste século XXI, os filhos de Deus
celebram a vinda de Jesus Cristo, pois Ele é o único que tem poder para dissipar o
maligno.
O nascimento do Filho de Deus causou e tem causado contradições nas mentes de
muitos soberbos no coração, pois o próprio diabo tem cegado os olhos espirituais de
muitas pessoas ainda. Jesus Cristo Se revelou e manifestou-Se em forma de homem
para que todos os olhos O vissem!
O trono verdadeiro é o trono de Deus, pois Ele é o verdadeiro Rei Todo-Poderoso. Os
reis da Terra ainda se dobrarão perante o Rei dos reis. O diabo já foi derrotado na cruz
do Calvário, mas é necessário que homens entendam quem Jesus Cristo é e por que
Ele se revelou ao mundo. Deus já fez a Sua parte, mas importa que homens, como nós,
tenham os olhos do seu entendimento espiritual abertos, como foram os da Maria e
de muitos hebreus, desde Abraão.
O quanto Cristo tem Se revelado a você? O quanto de revelação do Eterno você tem
recebido? Cristo tem Se manifestado a você?
Por meio da fé em Cristo Jesus, destronamos o mal em nossas vidas e neste mundo.
Maria, a escolhida para ser a mãe de Jesus, teve o entendimento do “absurdo” porque
teve um coração simples e humilde. Quanto mais simples e humildes, mais de Cristo Se
nos revelará e as obras do diabo se reduzirão a nada em nossas vidas e,
consequentemente, neste mundo em trevas. Somos a luz que brilha, assim como
aquela estrela que guiou os reis magos à manjedoura.

Dra. Sarah Hayashi 


GLORIE-SE NO SENHOR

“Faze-me saber os teus caminhos, Senhor; ensina-me as tuas veredas.
Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois és o Deus da minha salvação; por ti estou
esperando todo o dia.”- Salmos 25:4,5

“Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais
forte do que os homens.” …
“Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus
escolheu as fracas deste mundo para confundir as fortes.” …
“para que nenhuma carne se glorie perante ele. …
“Aquele que se gloria, glorie-se no Senhor.” – 1 Coríntios 1:25 a 31
Que sabedoria é essa? Que confunde os sábios deste mundo? Que ultrapassa a nossa
lógica? Que nos leva a um âmbito desconhecido?

Deus é Deus e não há outro. Nós, seres humanos, não conseguimos entender os
caminhos de Deus a não ser por um milagre. A Bíblia toda começa e termina com
milagres. Milagres ultrapassam o visível e nos levam ao invisível, ultrapassam as leis da
Física, da Química, da Biologia, da Botânica … enfim, todas as ciências descobertas
pelos humanos ao longo de séculos e séculos.
Jesus Cristo falou um dia que devíamos nos tornar crianças, a fim de entrarmos nas
coisas do Seu Reino: “Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos
fizerdes como crianças, de modo algum entrareis no reino dos céus.” (Mateus 18:3).
Crianças são simples, puras, francas e espontâneas. Elas são o que são, sem pretensões
para se enaltecer ou para serem reconhecidas.
Como nos tornar como crianças? Quanto mais entendemos o amor de Deus, mais nos
tornamos humildes e simples. Quanto mais entendemos a obra vicária de Jesus Cristo
na cruz do Calvário, mais gratos e mais apaixonados por Ele nos tornamos; e isso nos
leva mais junto d’Ele. Mais comunhão, mais intimidade, mais adoração, mais
dependência d’Ele, mais filhos!
Começamos em nos tornarmos filhos de Deus, ao receber no nosso espírito a vida
eterna por Jesus Cristo, que passa a habitar em nós. Daí, recebemos o Seu DNA, o
sangue do “Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo” e nos dá a identidade e a
cidadania celestiais. Somos então transportados a um âmbito celestial e começamos e
ser introduzidos à realidade divina. A criança precisa crescer, mas o seu coração deve
permanecer simples e puro, confiante no Pai e aconchegado no Seu colo.
Nada deste mundo consegue adentrar a natureza divina, a não ser um coração de uma
criança, tornando-se humilde. A verdadeira humildade nos leva a nos curvar a Deus e a
amá-Lo de verdade, não só de palavras, de louvores, de cânticos, mas em ação à
semelhança de Cristo Jesus, fazendo as obras do Pai, como o fizera Jesus Cristo. Toda
glória pertence a Ele!

Dra. Sarah Hayashi 


FAZE-ME SABER OS TEUS CAMINHOS

“Faze-me saber os teus caminhos, Senhor; ensina-me as tuas veredas.
Guia-me na tua verdade e ensina-me, pois és o Deus da minha salvação; por ti estou
esperando todo o dia.”- Salmos 25:4,5

A profundidade das riquezas da sabedoria e da ciência de Deus ainda estão sendo
descobertas, mesmo depois de séculos e séculos incontáveis. As ciências podem nos
ajudar a termos idéia ou imaginação do mundo abstrato e invisível, mas somente o
Espírito Santo pode nos levar às profundezas de Deus. Mesmo assim … até que ponto?
Um coração que se alinha com Deus Triuno, pode concluir comigo que quanto mais O
conhecemos, mais estamos muitíssimo aquém de quem Deus é e de Seus caminhos e
Seus pensamentos.
Então, alguém poderia perguntar, como conhecê-Lo? Como podemos nos certificar de
que estamos sendo guiados por Ele? Como saber se realmente estamos nos Seus
caminhos? Seria clamar a Ele até ao ponto de nos desesperar? Seriam horas e horas de
leitura bíblica e oração?
Sim, talvez seria um dos caminhos, mas sem a ajuda do Espírito Santo será difícil. O
Espírito Santo veio para nos guiar em toda a verdade e nos ajudar nas nossas
fraquezas. Nossa comunhão, ou intimidade, com a Trindade sendo bem desenvolvida e
aprofundada nos ajudará muito. Não nos esqueçamos de que somos formados por três
partes: espírito, alma e corpo.
Muitas vezes o nosso conhecimento intelectual, isto é, no nível da alma apenas, pode
ser um dos impedimentos. Há muitas pessoas que se dizem cristãos, mas abraçaram o
Cristianismo pelo intelecto, ou no nível da alma apenas, e vivem militantemente o
Cristianismo como uma linha filosófica de boas condutas e de alto grau de civilidade;
entretanto, não têm intimidade com a Pessoa da Trindade e, muito menos, com cada
Pessoa da Trindade.
Por outro lado, há muitos que conhecem a Deus através de uma experiência pessoal,
no nível do espírito e avançam no seu caminhar com o Senhor e até clamam por
direções e procuram manter-se leais a Deus. Isso é muito bom!
Gostaríamos de nos aprofundar um pouco mais: andar tão junto de Deus, que nem
precisa clamar para Ele nos guiar, pois andar com Ele já se tornou um estilo de vida de
intimidade com Ele e mesmo sem perceber, já estaremos nos Seus pensamentos e
caminhos e na Sua vontade. Já experimentou tal estado de andar com Deus? Você olha
para trás e constata que Deus esteve arquitetando aquela situação. Era de Deus!
Se você é tão íntimo de Deus Pai, de Deus Filho e de Deus Espírito Santo, você já está
nos Seus caminhos e nos Seus pensamentos. Queremos chegar a tal ponto!

Dra. Sarah Hayashi 


QUÃO INSONDÁVEIS

“Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis, os seus caminhos!”-
Romanos 11:33

Essas palavras fazem parte de um hino de adoração muito belo na carta de Paulo aos
romanos. Paulo foi um apóstolo que teve acesso às mais profundas revelações do
Espírito Santo sobre Jesus Cristo, a quem perseguiu com o zelo de fariseu. Quanta
misericórdia de Deus em salvar e escolher Saulo, cujo nome foi trocado. Paulo, em
Latim, significa “pequeno”. Aquele grande fariseu se tornou tão pequeno, com um
coração alargado, cheio de amor “agape”, o amor perfeito de Deus.
Perguntaríamos: “Como foi Deus escolher Saulo, que matara tantos cristãos?” São
mistérios da grandiosidade de Deus! Podemos entender, porém, que Deus pode
transformar o potencial que Ele colocara no coração de Saulo. Saulo estava usando
erradamente o potencial que recebera quando fora concebido no ventre de sua mãe.
Quando usamos o potencial com que fomos gerados, cabe saber de que maneira o
estamos usando. Somos seres que têm o livre arbítrio, uma das semelhanças do nosso
Deus Criador. Fazer escolhas e decidir nos faz indivíduos únicos. Herdamos o DNA de
nossos antepassados, mas podemos até mudar o rumo da vida com a capacidade de
escolhas e decisões.
A Bíblia fala dos fundamentos de um ser humano: “Se os fundamentos estão
destruídos, que pode fazer o justo?” (Salmos 11:3) Nenhuma uma pessoa, por mais que
seja justa, consegue construir em cima de um fundamento destruído. Fundamento ou
alicerce deve ser forte para sustentar uma construção, como todos sabem.
Quando alguém tem caráter de má formação, difícil é confiar nele ou depender dele.
Influências do meio ambiente e hábitos podem até ser mudados, mas dificilmente um
mau caráter, a não ser que tal pessoa queira muito a mudança. Para Deus nada é
impossível, mas Deus não invade a nossa individualidade e nem desrespeita a nossa
escolha, a não ser que nós demos permissão ou peçamos que Ele nos transforme pela
renovação de nossa mente.
Paulo correspondeu com Jesus Cristo naquele marcante encontro. Ele tinha um firme
fundamento: zelo por retidão e persistência. Era um bom fundamento. Saulo aceitou o
desafio de Jesus Cristo e obedeceu até chegar a experimentar uma radical mudança.
Todos nós podemos experimentar a grandiosidade de Deus e quanto mais O
conhecemos, mais concluímos quão profundos são os pensamentos de Deus. Não
conseguimos entender os mistérios de Deus, mas o Espírito Santo nos ajudará.

Dra. Sarah Hayashi 


NEM ACRESCENTAR NEM TIRAR

“Eu sei que tudo quanto Deus faz durará eternamente; nada se lhe deve acrescentar e
nada se lhe deve tirar.” – Eclesiastes 3:14

O que foi acrescentado e o que foi tirado quando Eva comeu do fruto proibido? Uma
palavra ela acrescentou: “nem nele tocareis” (Gênesis 3:3) e a consequência foi que a
serpente – o diabo – “tirou” o relacionamento do casal com Deus (João 10:10 a).
Assim, toda descendência da espécie humana nasceu com essa mesma deficiência:
sem o relacionamento alegre e íntimo com seu Criador. A mentira, que vem do pai da
mentira, o Satanás, passou a fazer parte do caráter humano. Desde então, todos os
filhos de Adão e Eva têm tido problemas em todas as áreas da vida e populou esta
Terra com famílias disfuncionais.
Tão logo Deus expulsou o casal que Lhe era a melhor de Sua criação, Ele já começara o
Seu plano de resgatar a alegria da intimidade que diariamente havia com o homem e
sua mulher.
Deus Pai iria tirar a vida de Seu Unigênito Filho, o Cordeiro eterno, e acrescentar um
novo coração e nova mente em cada descendente humano.
Num outro jardim, o Getsêmani, Jesus Cristo se preparou para nos substituir, sendo
condenado pelos nossos pecados e resgatar a vida que Adão e Eva tinham recebido.
Ele veio para tirar das mãos do próprio Satanás a morte e veio para nos dar vida
espiritual de volta.
Só Deus Triuno tem o poder de acrescentar e tirar com toda autoridade divina, da
maneira certa e no tempo certo. Ninguém mais tem esse poder. Somente Deus Criador
justo, santo e bondoso, que tudo faz perfeito e eternamente.
Dentre todas as demais criaturas da criação, somente o homem recebera o meio de
comunicação com Deus. Esse meio é o espírito, que deve estar cheio do Espírito Santo.
Se estamos em Cristo através do novo nascimento, da vida eterna, da redenção
conquistada pelo nosso Salvador e Redentor Jesus Cristo, não nos esqueçamos de
valorizar e de nos manter cobertos com Seu sangue, o preço da redenção. Devemos
sempre manter aceso o amor para Deus, com gratidão por essa obra de Jesus Cristo.
Ele morreu em nosso lugar, carregando sobre Si o castigo que deveríamos pagar.
“Na verdade, na verdade”, nada podemos acrescentar e nem tirar daquilo que Deus
fez. Deixemos Deus acrescentar o nos falta e deixemos Ele tirar o que é demais. Falta
mais de Deus dentro de nós e que Ele tire tudo que nos oprime por causa do pecado.
Continuemos nesse processo da santificação que nos transforma à semelhança de
Cristo através do Espírito Santo!

Dra. Sarah Hayashi 


E PERSEVERAVAM

“E perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações.” – Atos 2:42
“Agora, Senhor, olha para as suas ameaças e concede aos teus servos que anunciem com toda intrepidez a tua palavra.” – Atos 4:29

O derramar do Espírito Santo nos traz bênçãos poderosas: poder dos altos para vencer
todas as lutas; ousadia e poder para operar sinais e maravilhas; poder para amar como
Deus ama; amor pelos perdidos; alegria e paz sobrenaturais; milagres de todo tipo na
saúde física e na mente e no coração; mudanças e experiências sobrenaturais; o
inexistente vindo a existir, e tantas inúmeras ações do poder e do amor de Deus!
Quando eu era menina, tinha uma grande pergunta: isso tudo que leio no livro de Atos
dos Apóstolos pode ainda acontecer? Quando eu ficar grande, posso servir a Deus
como esses apóstolos da Bíblia? Quero ter poder para salvar vidas, trazer pessoas para
Cristo, fazer curas e muitos milagres … sonhava …
Graças a Deus, esse poder sempre será disponível para todos os que amam a Deus em
primeiro lugar e O buscam de todo coração. O segredo é amar a Deus acima de tudo e
perseverar.
Uma coisa é bem clara nas Escrituras. Aqueles apóstolos de Jesus Cristo perseveraram
e venceram todos os obstáculos que surgiam. Eles não conseguiam apagar de seus
corações as experiências que tinham tido com Jesus Cristo. Isso lhes deu força para
perseverar e ter mais intrepidez perante as ameaças das pessoas que não entendiam
os valores do reino de Deus.
Perseverar é uma virtude importante, especialmente nestes dias pós-modernos,
quando tudo é muito rápido e está à disposição na ponta de nossos dedos deslizando
em telas do computador ou de celular.
Deus, porém, não mudou. Seus princípios e Seus caminhos permanecem firmes e
poderosos. A questão é saber aplicá-los no nosso contexto quotidiano e em todas as
nossas áreas de atuação.
Perseverança e resiliência são a capacidade inerente à nossa natureza humana. A
intrepidez vem com o Espírito Santo. É preciso acionar toda essa capacidade. Qual
lugar Deus tem lugar em sua vida? Se Deus tiver lugar prioritário em seu coração e
mente, você vai ser um influenciador dos valores celestiais e não um influenciado
pelos valores fúteis deste século. Vale a pena perseverar nas verdades dos
fundamentos de Cristo Jesus vividos pelos Seus apóstolos. A resistência aos
empecilhos e tribulações glorificam a Deus!

Dra. Sarah Hayashi